Conceder benefícios aos funcionários de uma empresa é um ótimo método para deixá-los mais motivados. Porém, quando o benefício é cesta básica, a escolha de um fornecedor ruim pode trazer o resultado oposto. Se você deseja evitar esse problema, basta seguir estratégias para encontrar os melhores fornecedores de cesta básica em São Paulo.

Por ser uma metrópole, a cidade conta com diversas opções de provedores das cestas. Em localidades como essa, vale a pena redobrar o cuidado na escolha da empresa para a parceria se não quiser cair em ciladas.

Continue a leitura deste post e confira dicas para escolher a melhor empresa de cesta básica em São Paulo!

Avalie o desempenho de entrega de cada empresa

O momento de entrega da cesta básica é muito importante para o trabalhador, que quase sempre programa estratégias para levá-las até sua casa e conta com a comida na mesa. Por isso, qualquer atraso pode se tornar uma grande dor de cabeça.

Cheque se o local de entrega está dentro da área de atendimento da empresa em questão e não deixe de perguntar quanto tempo demora para fazer o trajeto — em uma situação que exija flexibilidade e agilidade, esse fator pode fazer toda a diferença.

Antes de fechar o contrato, confira a logística de entrega e se a empresa é organizada o suficiente para cumprir os procedimentos corretamente. Sempre que possível, verifique se ela tem fama de pontual — a verdade costuma aparecer quando questionamos os reais clientes.

Busque indicações

Seguindo essa mesma linha de raciocínio, uma boa forma de avaliar a qualidade de um fornecedor é questionando seus clientes sobre o serviço. Peça para entrar em contato com outros contratantes satisfeitos e tire todas as suas dúvidas sobre a eficiência na entrega e sobre a qualidade dos produtos.

Se a empresa em questão não quiser passar os números, já fica claro que não é séria no trabalho que se propõe a prestar.

Controle a qualidade

Quando o assunto é alimentação, é preciso ter bastante cuidado para não fornecer nada que possa prejudicar a saúde dos seus colaboradores. Por isso, ao pesquisar as empresas, certifique-se que os alimentos concedidos são de boa qualidade e que estão dentro do prazo de validade.

Ateste também se a entrega é feita na data marcada e se a integridade das cestas é mantida após o transporte. Afinal, ninguém gosta de receber os alimentos danificados, certo? Esses pequenos detalhes fazem toda a diferença no objetivo final das cestas básicas, que é a satisfação e a boa alimentação dos funcionários.

Pesquise os preços

Você conhece aquele ditado “quando a esmola é demais, o santo desconfia”? Lembre-se dele e utilize esse conhecimento popular quando for escolher seu fornecedor. Quando o preço estiver muito mais baixo do proposto pelas demais opções e não houver promoções envolvidas, desconfie, pois dificilmente a qualidade oferecida será a mesma.

Da mesma forma, não há nenhuma garantia que uma empresa que cobre mais caro seja mais eficiente e tenha produtos melhores. Se você não tiver nenhuma prova que o serviço é superior, o caminho mais indicado é seguir a seleção com quem estiver dentro da média de preço do mercado.

Monitore seus fornecedores

Mais uma vez o fato de estarmos lidando com alimentos interfere na escolha dos fornecedores. Nesse caso, é indicado que você conheça a sede da empresa, os depósitos e os meios de transporte utilizados na entrega, se possível. Tudo isso é um pré-requisito para ter certeza que esses ambientes seguem as recomendações de higiene necessárias para lidar com alimentos.

Avalie também se os estoques ficam expostos a riscos para a qualidade dos produtos, como umidade, luz, temperatura e a presença de roedores ou outros animais.

Prefira empresas com tempo de mercado

Nem sempre contar com uma empresa que atua há décadas no mercado vai garantir a qualidade das suas cestas básicas. Uma novata bem gerida pode ter resultados excelentes nos produtos oferecidos e serviços prestados. Porém, ter experiência sempre conta positivamente para aumentar a confiança do consumidor e saber como lidar com os problemas que surgirem.

Buscar os fornecedores mais famosos no mercado é uma forma de ter certeza que eles conhecem a área em que atuam e podem garantir melhoria nos processos e uma estrutura sólida de entregas das cestas básicas.

Priorize a comunicação com o cliente

Poucas coisas são mais frustrantes do que tentar fazer uma reclamação com um fornecedor e perceber que ele não atende o telefone ou responde as suas mensagens. Em uma relação de confiança tão importante quanto o fornecimento de cestas básicas, ter um diálogo com a empresa contratada é essencial.

Por isso, levar em consideração a dificuldade de encontrar o vendedor e negociar os serviços pode fazer toda a diferença na administração desse benefício. Priorize quem te atende bem para poder atender melhor os seus colaboradores.

Busque uma parceria

O segredo de encontrar o fornecedor ideal de cesta básica em São Paulo é procurar por uma parceria. Quando contratada e contratante têm valores e objetivos semelhantes, o contrato vai além de uma simples entrega de cestas básicas, podendo surgir uma troca para a melhoria das duas empresas.

Seguindo essa linha de raciocínio, logo você elimina os fornecedores inadequados para o seu negócio e encontra aquele que vai entregar comida de qualidade no prazo correto e pelo melhor custo-benefício.

O dia de entrega da cesta básica é um momento de alegria para grande parte dos funcionários. Isso só não será verdade se a sua empresa contratar um fornecedor que entrega produtos ruins e não segue o cronograma proposto. Então, escolher uma boa empresa é uma questão estratégica que vai muito além do preço.

Se você deseja encontrar um fornecedor que ofereça cesta básica em São Paulo, siga as estratégias descritas neste artigo. Quando há o comprometimento em encontrar o melhor do mercado para atingir a expectativa dos seus funcionários, o objetivo do benefício já foi atingido da melhor forma possível.

Durante o processo de escolha de fornecedor, entre em contato com a Cesta Nobre, peça um orçamento e dê início a essa parceria!

Publicado Por:
Vinicius Dias –  Marketing Digital