Uma pesquisa da Universidade de Warwick, no Reino Unido, revelou que funcionários satisfeitos são 12% mais produtivos e os insatisfeitos são 10% menos produtivos. Não é segredo que o estado de espírito dos funcionários interfere diretamente no seu desempenho na empresa e, consequentemente, nos resultados. No entanto, se você pensa que essa satisfação depende inteiramente de um bom salário e de vários benefícios, está enganado.

A felicidade no trabalho vai muito além dessa parte “burocrática”. Profissionais buscam, além de um pagamento justo, qualidade de vida. Isso envolve desde as pausas para o descanso durante o expediente até a possibilidade de crescimento na empresa — passando por um item essencial para um ambiente de trabalho saudável: a solidariedade.

Vamos explicar: o segredo da felicidade dos seus funcionários pode estar em atos de solidariedade. Isso mesmo!

Outro estudo, chamado Desenvolvimento Adulto, de Harvard — que começou em 1939 e acompanhou a vida de 700 pessoas — revelou que o segredo da felicidade está nos relacionamentos. Pessoas que se sentem próximas de família, amigos e colegas são mais felizes e também tendem a ser mais saudáveis ao longo da vida.

No ambiente de trabalho, essa proximidade pode ser fortalecida justamente por ela: a solidariedade. E nós vamos ensinar como!

Reconheça os esforços de todos

As pessoas, quando têm seus esforços reconhecidos mesmo em trabalhos em grupo, são mais propensas a ajudar os colegas. Afinal, elas sabem que, no fim, os louros da vitória não ficarão apenas com um envolvido. Todos serão premiados pelo seu trabalho!

Por isso, procure sempre reconhecer a contribuição de todos que atuaram em um projeto. Isso aumenta a vontade de cooperar e de auxiliar os outros. A falta desse reconhecimento pode gerar sentimentos opostos, entre eles, a frustração por ter contribuído sem retorno.

Lembre-se de que todo talento conta e toda contribuição é importante para o resultado final. Nada mais justo do que começar a tratar seus funcionários como uma equipe, e não como estrelas solitárias, de modo que eles queiram ser mais prestativos e solidários.

Incentive a união

A noção de fazer parte de um grupo é muito valorizada pelas pessoas. Procure adotar esse posicionamento na sua empresa. Trate todos como uma grande equipe, formada de talentos individuais importantes e que podem superar qualquer dificuldade juntos.

Incentive os funcionários a se enxergarem como colegas em busca de um mesmo propósito. Como integrantes de um mesmo time, e não como concorrentes, pois assim eles trabalharão juntos. Divida as vitórias e compartilhe os fracassos, mas sempre de forma positiva, sem apontar culpados, e sim buscando uma solução. A noção de grupo fortalece.

Aposte nos projetos em grupo

Os projetos em grupo, além de desenvolverem o senso de união que citamos acima, permitem que seus funcionários se conheçam melhor, promove o respeito aos talentos de cada um, aumenta a vontade de unir esforços em prol de um objetivo.

Eles também podem ser uma forma de incentivar a competição de forma saudável — afinal, em atividades em grupos, ninguém é exposto sozinho pelo mau desempenho, caso os objetivos não sejam atingidos.

Não falamos apenas de trabalhos relacionados à atividade da empresa: você também pode realizar atividades extracurriculares dessa forma, como montar uma equipe de corrida da empresa, de modo a desenvolver essas qualidades.

Incentive atividades sociais

Nesse item, temos duas vantagens importantes. A primeira é que o voluntariado, por si só, já promove grandes e positivas mudanças na percepção das pessoas. O contato com quem precisa de assistência e o sentimento de poder fazer a diferença incentivam as pessoas a serem solidárias em todas as áreas da sua vida e no dia a dia.

Outra vantagem é o contato com os colegas fora do ambiente de trabalho. Essa experiência permite que os colegas se conheçam, compartilhem suas experiências e se aproximem. O resultado é um relacionamento melhor entre os funcionários e uma equipe acostumada a oferecer amparo a quem precisa.

O voluntariado pode ser feito tanto in loco quanto por meio de programas variados. Você pode, por exemplo, permitir que seus funcionários usem uma hora do expediente por semana para ajudar uma instituição ou que as horas de voluntariado resultem em algum tipo de benefício.

Incentive as doações

Aqui, falamos em doações no sentido mais amplo da palavra. Doar é oferecer algo sem esperar nada em troca, é um gesto solidário de amparo.

Além de promover campanhas de doações de roupas, livros e até sangue entre sua equipe, o que, por si só, já é de grande ajuda, você também pode apostar em gestos simples. Incentive seus funcionários, por exemplo, a doar um pouco do seu tempo para escutar um colega em dificuldades, a ajudar alguém em alguma atividade, dentro ou fora da empresa, e a oferecer uma carona ao colega que anda de ônibus em um dia de chuva.

Pequenos gestos de solidariedade operam grandes mudanças, e você vai se surpreender com o poder que eles têm dentro de uma empresa.

No dicionário, a solidariedade é definida como o compartilhamento de sentimentos e atitudes, “tornando o grupo uma unidade mais coesa e sólida, com a capacidade de resistir às pressões externas”.

Incentivar atos de solidariedade é proporcionar isso aos profissionais: uma equipe unida e mais feliz. Um ambiente de trabalho agradável e motivador. A empresa, é claro, também só tem a ganhar. Uma equipe forte é uma equipe produtiva e capaz de lidar com dificuldades, é uma equipe engajada e comprometida com seu trabalho. Todos saem ganhando!

A Cesta Nobre se preocupa em promover a solidariedade e não há época melhor do que o Natal para lembrarmo-nos da possibilidade de ajudar a quem precisa! A campanha deste ano para a data traz o conceito Toque seu Coração, inspirado no projeto Música Pela Cura, da Associação para Crianças e Adolescentes com Câncer (Tucca). A Tucca é uma ONG que, em parceria com o Hospital Santa Marcelina, oferece tratamento contra o câncer para crianças e adolescentes carentes.

Para contribuir com esse projeto, neste ano, parte da renda de cada cesta vendida da coleção Toque seu Coração será doada à instituição. São doze modelos de cestas: Doce Violino, Flauta Mágica, Bumbo Divertido, Suave Piano, Saxofone Gentil, Sanfona Sapeca, Harpa Risonha, Guitarra Amiga. Há, também, as cestas especiais Ópera, Orquestra, Acorde, Maestro.

Quer entrar nessa corrente do bem e fazer mais atos de solidariedade? Entre em contato conosco!