?>
Gestão de Negócios

Como fazer gestão estratégica de custos na prática?

Tempo de leitura estimado: 5 min.

Uma empresa pode aumentar o seu lucro por meio do aumento de vendas, reajuste do valor dos produtos ou com uma redução de custos. Esta ultima, porém, deve ser feita com cautela e atenção, pois há a possibilidade de retirar recursos de locais importantes. Neste post será apresentado o que é gestão estratégica de custos e a melhor forma de ser implementada.

A gestão estratégica de custos é uma forma inteligente de se reduzir custos, sem que prejudique a qualidade dos projetos. A gestão é feita coletando dados dos processos e relacionando os custos com os rendimentos de cada um. A ideia é utilizar de forma mais racional os recursos, adotando estratégias inteligentes e eficientes.

Continue com a gente e veja alguns exemplos de como você pode adotar a gestão estratégica de custos na prática e quais as vantagens deste método para a sua empresa.

Levantamento de custos

O primeiro passo para uma boa gestão estratégica de custos, é fazer um levantamento de todos os custos de cada um dos projetos. Elabore relatórios bem detalhados, com eles é possível analisar todos os recursos necessários e o custo-benefício de cada um. Tenha cautela no planejamento financeiro para não perder o controle e a qualidade do trabalho.

Planejamento

Um bom planejamento de custos ajuda visualizar qual valor será necessário para a execução do projeto e o prazo de cada um, registrando todos estes dados em apenas um único relatório. A gestão eletrônica auxilia a escolher quais recursos são considerados vitais para o pleno funcionamento da empresa e quais podem ser ajustados.

Orçamento e margem de erro

Na gestão estratégica de custos, o orçamento deve conter toda a previsão de gastos do processo, além de uma margem de erro para eventuais imprevistos. Ao apresentar um orçamento bem elaborado para o departamento financeiro as chances do mesmo ser aprovado são maiores.

Análise dos resultados

Revise e analise os resultados ao longo do projeto e logo após a sua conclusão, desta forma é possível verificar quais gastos foram insuficientes, exatos ou superfaturados. Estabeleça novas estratégias para o próximo projeto e deixe registrado todos os erros e acertos para eventuais consultas no futuro.

Uma boa gestão estratégica de custos auxilia no crescimento tanto da empresa quanto de seus colaboradores, aprendendo a gerir melhor os recursos e a atuar de forma inteligente para entregar bons resultados com a quantidade de recursos necessária. Ela também permite corrigir os equívocos e pontuar os acertos para futuros projetos.

Agora que você tem todas essas dicas, não tenha medo de colocar em prática! Estude, analise, pontue e compartilhe suas opiniões, sua equipe pode identificar pontos a serem melhorados no projeto. Uma boa gestão estratégica de custos deve sempre ouvir e observar o seu meio, adaptando-se às adversidades e evoluindo com a experiência.

Conte-nos o que achou de nosso post! Conseguiu tirar todas as suas dúvidas sobre como fazer gestão estratégica de custos na prática? Então, siga-nos no Facebook, Youtube, Instagram e LinkedIn e tenha acesso a muito mais conteúdos como este!

Compartilhe:
escrito por
Cesta Nobre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Guia dos principais benefícios para oferecer para funcionários

Baixe o Ebook Não, obrigado