?>
Gestão de Pessoas

A importância da alimentação saudável composta por “comida de verdade”

Tempo de leitura estimado: 5 min.

Hoje em dia, muitas pessoas sabem da importância da alimentação saudável. No entanto, uma boa parcela da população ainda enfrenta dificuldades em abrir mão do fast-food e das comidas industrializadas.

Uma refeição pobre em nutrientes prejudica o desempenho no trabalho e em outras tarefas do dia a dia, causando dificuldades de concentração, falta de energia, mau humor, entre outros sintomas. Diante disso, a empresa que incentiva hábitos alimentares adequados tem a oportunidade de contar com profissionais saudáveis e bem-dispostos, o que será positivo para ambos. Quer saber mais sobre o assunto? Então, acompanhe o texto a seguir!

Quais os principais benefícios da alimentação saudável?

Uma refeição nutritiva, composta por alimentos de grupos variados, tais como verduras, legumes, carboidratos e proteínas, apresenta inúmeras vantagens: contribui com a saúde e a qualidade de vida, melhora a disposição para trabalho e estudo, entre outros aspectos. Veja, a seguir, alguns benefícios disso.

Garante saúde e qualidade de vida

De acordo com dados do Ministério da Saúde, quase 20% dos brasileiros estão obesos e, entre os jovens, a obesidade aumentou 110% em um período de 10 anos, de 2007 a 2017. O principal fator para isso está nos padrões alimentares, que prioriza produtos industrializados no lugar de uma dieta equilibrada e com alimentos frescos.

A obesidade é motivo de grande preocupação, pois se torna fator de risco para diversas doenças, como diabetes, hipertensão e colesterol alto. Sendo assim, é necessário conscientizar as pessoas sobre a importância de manter hábitos alimentares saudáveis e praticar atividades físicas.

Ter uma alimentação de qualidade é essencial para assegurar o correto funcionamento do organismo e evitar doenças. Além disso, o hábito fortalece o sistema imunológico, melhora o sono e reduz o estresse.

Melhora o desempenho no trabalho

Uma dieta balanceada, com todos os nutrientes que o organismo precisa, interfere positivamente no rendimento das tarefas profissionais, uma vez que ela fornece energia e estimula o raciocínio, contribuindo com a produtividade, a concentração e a disposição ao longo do dia, por exemplo.

Por outro lado, quem prioriza lanches, frituras e comidas industrializadas, que são ricos em gordura, sódio e açúcar, geralmente8 apresenta sonolência, problemas de saúde frequentes e dificuldades de concentração — o que pode comprometer o desempenho nas tarefas e aumentar o risco de acidente no trabalho.

Reduz os custos com remédio e o afastamento por doenças

Quem tem uma alimentação adequada, normalmente, é mais saudável. Com isso, tende a ter menos problemas de saúde e evita gastos com medicamentos. Tal fato também é positivo para o negócio, pois reduz as faltas e os atrasos no trabalho, o número de atestados médicos e os custos com planos de saúde.

Aumenta a satisfação com a empresa e reduz a rotatividade

A preocupação com a saúde e o bem-estar dos colaboradores demonstra que a companhia se preocupa com sua força de trabalho, o que, aliado a outras estratégias, pode melhorar a satisfação e a motivação da equipe. E você sabe que esses fatores são significativos para o sucesso de um negócio, não é mesmo?

Além disso, a valorização dos funcionários e o aumento da satisfação com a organização são positivos para reduzir o índice de rotatividade e minimizar os custos e os efeitos no desempenho da equipe com a demissão de profissionais.

Como falar sobre a importância da alimentação saudável aos funcionários?

Diante do exposto acima, fica clara a importância de incentivar a alimentação saudável entre os funcionários, certo? E isso não deve ser feito apenas no ambiente de trabalho. Para apresentar resultados satisfatórios, ela deve fazer parte da rotina dos profissionais e estar presente em todas as refeições do dia.

A mudança dos hábitos alimentares pode ser difícil para muitas pessoas. Por isso, a empresa deve estabelecer, em seu planejamento de comunicação interna, ações para conscientizar o funcionário sobre os impactos de uma dieta desequilibrada e dar sugestões de como melhorá-la no dia a dia.

Criar campanhas sobre o assunto — com dicas práticas ou receitas, incentivo ao consumo de água, frutas e verduras, entre outras ideias — e divulgá-las no jornal mural, intranet ou revista interna podem trazer bons resultados. Outra sugestão é organizar palestras, workshops de culinária e eventos sobre o tema para falar sobre os benefícios de priorizar “comidas de verdade” e incentivar os colaboradores a adotá-las em casa e no trabalho.

Como aplicar a alimentação saudável na empresa?

Além das ferramentas de comunicação, você pode investir em outras estratégias para que a alimentação saudável faça parte da cultura da companhia e do ambiente de trabalho.

Disponibilizar frutas e organizar um café da manhã nutritivo para as equipes, por exemplo, são formas de fazer isso. O investimento em cestas básicas para os colaboradores também é algo significativo.

Essa estratégia contribui para que o trabalhador tenha refeições nutritivas dentro de casa, já que a cesta é composta por itens essenciais para a alimentação dos brasileiros, como o arroz e o feijão, além de outros produtos para complementar e diferenciar o cardápio, como macarrão, molho de tomate, farinha de trigo, entre outros.

Há uma variedade de modelos de cesta básica no mercado, e a empresa pode escolher aquele que for mais adequado ao perfil dos trabalhadores ou ainda personalizar os itens de acordo com as necessidades deles. Entretanto, para ter bons resultados, é fundamental escolher um fornecedor que tenha pontualidade na entrega e comprometimento com a qualidade e a integridade dos produtos.

Alguns gestores optam por fornecer vale-alimentação para que os funcionários adquiram os mantimentos nos supermercados. Entretanto, um dos lados negativos dessa ferramenta é que o empregador não tem condições de acompanhar o uso do vale e não terá garantias de que o benefício foi utilizado para a compra de produtos alimentícios saudáveis.

Como vimos, as refeições nutritivas com “comida de verdade” trazem inúmeros benefícios para a vida das pessoas, sendo extremamente positivas, inclusive, para as atividades profissionais. Dessa forma, é necessário que as empresas falem sobre a importância da alimentação saudável e invistam em ações para incentivar a mudança de hábitos alimentares entre os funcionários.

Ficou interessado em oferecer cesta básica para sua equipe? A Cesta Nobre conta com um portfólio variado para atender às necessidades de cada cliente. Entre em contato e saiba mais!

Gostou do texto? Quer outras dicas sobre o tema? Assine nossa newsletter e receba novos conteúdos!

Renato XavierPublicado Por:
Renato Xavier- Diretor de Operações e Marketing

Compartilhe:
escrito por
Renato Xavier
Diretor de Operações e Marketing

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Guia dos principais benefícios para oferecer para funcionários

Baixe o Ebook Não, obrigado