?>
Gestão de Pessoas

7 dicas para manter a produtividade no trabalho remoto

Tempo de leitura estimado: 5 min.

Entre as principais medidas que empresas e escritórios jurídicos adotaram para conter a expansão do coronavírus, podemos citar o trabalho remoto pelos profissionais. Possibilitar uma menor circulação de pessoas nos restaurantes, nas ruas e nos edifícios comerciais é uma das ações mais indicadas por especialistas para conseguir evitar a proliferação do vírus.

Sem dúvida, a tecnologia é uma grande aliada nesse momento, pois permite que boa parte dos colaboradores atue no formato home office. Os funcionários da sua empresa estão trabalhando remotamente? Sim? Então saiba que você deve pensar em como vai poder mantê-los produtivos em casa. Afinal de contas, há muitas tentações e distrações que podem desviar o foco nesse momento.

Como a produtividade é fundamental para o seu negócio, algumas medidas relevantes podem ser tomadas para garantir aos trabalhadores remotos uma estrutura que permita a produtividade ao longo do dia. Continue acompanhando e conheça as 7 melhores dicas! Boa leitura!

1. Ter um espaço de trabalho

Ao trabalhar em casa, o ambiente que o profissional cria desempenha uma grande função em sua capacidade de ser eficaz. Há pessoas que preferem manter diversos locais abertos e se movimentar ao longo do dia, pois acreditam que variar um pouco de espaço acaba inspirando produtividade. Para outras pessoas, uma mesa exclusiva para o home office pode ser bem melhor, pois assim elas podem se instalar em um espaço consistente.

O importante é saber que, independentemente, há alguns fatores ambientais que acabam desempenhando um grande papel e que devem ser considerados. É melhor trabalhar em um ambiente bem iluminado? Será que a música ou os ruídos de fundo aumentam ou diminuem a produtividade?

É preciso lembrar que até mesmo o clima é um fator crucial. Afinal, as temperaturas baixas podem acabar aumentando os sentimentos de solidão e de tristeza — e as altas podem levar o profissional a se sentir fraco e menos produtivo no trabalho. O ideal é sempre manter a temperatura em torno de 18°C a 21°C, para incentivar a produtividade.

2. Manter uma rotina

Só porque os colaboradores estão trabalhando fora da empresa não significa que podem deixar de ter uma rotina. Quando são criados hábitos diários, é possível evitar procrastinação e aumentar também os níveis de produtividade.

Não se pode fazer do trabalho remoto uma desculpa para permanecer na cama e ficar o dia todo de pijama, por exemplo. Os profissionais devem aproveitar o fato de que não precisam perder tempo para se deslocar até o escritório, utilizando-o para fazer atividades que gostam, como praticar seu esporte preferido.

No início, pode até parecer complicado criar uma rotina, afinal de contas, durante a quarentena não é possível sair de casa. Mas é importante determinar quais atividades serão realizadas durante a manhã, a tarde e a noite. Assim, eles conseguem ter maior clareza sobre tudo o que tem que ser feito além das atividades do trabalho.

3. Planejar as tarefas fazendo uma lista

Os profissionais que estão trabalhando home office, após identificarem em qual horário conseguem produzir mais e melhor, precisam criar uma lista de atividades e de metas ao longo do dia para poderem priorizar grandes projetos sempre tendo como base o ritmo natural de produtividade.

A lista de tarefas, além de priorizar, vai também auxiliar o profissional a se lembrar de todas as suas atividades, ajudando ainda no acompanhamento do seu progresso e facilitando o cumprimento de mais tarefas.

Normalmente, não se pode incluir na lista mais do que é possível ser concretizado em um dia. Aqueles projetos que devem levar muitas semanas ou até meses para serem finalizados podem ser monitorados em um calendário, inserindo lembretes específicos fixados com prazos e metas para serem atingidos em um certo tempo.

4. Investir em comunicação constante

Em conjunto com a flexibilidade rotineira e os grandes desafios de trabalhar em home office, é essencial que o colaborador entenda quais dinâmicas de trabalho podem ser modificadas durante esse período e quais serão os reflexos disso no trabalho.

É fundamental que os trabalhadores conversem de maneira bem transparente com seus líderes para que estejam a par de todas as informações importantes sobre mudanças na operação durante o período da pandemia. Todos os colaboradores precisam entender a importância de alinhar os esforços a partir de diálogos constantes.

As reuniões on-line frequentes, por exemplo, são essenciais para manter o ritmo e a produtividade no trabalho. É preciso ter um canal aberto entre colaboradores para os assuntos sérios e também para os momentos de descontração.

Vale lembrar que os líderes de cada setor são os que devem ter maior comprometimento, compartilhando sempre as novidades, cronogramas e informações, além de estarem sempre dispostos a tirar as dúvidas da equipe.

Por parte dos colaboradores, é crucial comunicar de forma clara e constante o que está sendo feito e também quais são os prazos para que as atividades sejam executadas. Como os profissionais não estão em um escritório compartilhado, é importante ter em mente que até mesmo as pequenas coisas que seriam expressas de forma verbal em um dia normal precisam ser comunicadas para evitar confusões.

Para a comunicação remota, não faltam opções de aplicativos e programas hoje em dia. Bons exemplos são o Skype, o Zoom, o WhatsApp e o Hangouts.

5. Evitar distrações

Se, por um lado, a música muitas vezes é uma forte aliada para as pessoas, as distrações podem ser as grandes inimigas. Uma das maiores reclamações dos profissionais que trabalham remotamente é a solidão. Por isso, muitos acabam recorrendo ao WhatsApp ou redes sociais para conversar com algum amigo, por exemplo.

A dica, nesse caso, é desativar as notificações sempre que estiver em horário de trabalho ou então colocar o celular em “modo avião”. A TV também pode ser um grande obstáculo para a produtividade. É preciso manter esses aparelhos desligados ou fora da área de visão para não se distrair.

6. Ser flexível

É fundamental que o trabalhador seja flexível, sem se desesperar com qualquer coisa. É preciso entender que algumas situações são temporárias e emergenciais. Nesse momento, os colaboradores devem ser imediatos e ágeis. A empresa, por sua vez, deve entender que esse é um plano focado em cuidar dos profissionais e feito para dar continuidade à operação.

Certamente os trabalhadores que forem capazes de atravessar essa fase complicada com uma boa produtividade serão peças importantes e consideradas relevantes para a empresa.

7. Cuidar da saúde

Em um momento de isolamento social como o que estamos vivendo hoje, evitando ao máximo sair de casa, é fundamental cuidar para que tanto a saúde física quanto a saúde mental estejam em dia, principalmente dos profissionais que continuam sendo produtivos.

Aqueles que moram em lugares muito pequenos, sem quintal e jardim, o mais recomendado é apostar em treinos de alongamentos ou ioga, que já ajudam a manter o corpo e a mente saudáveis. Agora, par os que têm um espaço maior em casa, o ideal é fazer treinos de musculação e aeróbicos também.

O que é preciso evitar de qualquer forma é anular os exercícios físicos na rotina, pois isso pode acabar afetando a produtividade. Ao fazer alguma atividade física, o profissional vai se sentir mais disposto e certamente vai se sentir melhor para produzir.

A dica é sempre encontrar o melhor horário para adicionar os exercícios na nova rotina de trabalho home office. Pode ser uma excelente maneira de começar ou de terminar o dia, afinal, a prática ajuda a reduzir o estresse e controlar a ansiedade.

Enfim, é importante ter em mente que a produtividade é uma variável indispensável para a eficiência e para o crescimento de qualquer negócio, e isso deve continuar sendo relevante no trabalho remoto. É preciso adotar as medidas que apresentamos aqui para garantir o bom desempenho das atividades na sua empresa.

E então, gostou de conhecer essas dicas para manter a produtividade no trabalho remoto? Aproveite e compartilhe este texto em suas redes sociais para que seus amigos também possam entender a importância desses hábitos.

Compartilhe:
escrito por
Cesta Nobre

Uma resposta para “7 dicas para manter a produtividade no trabalho remoto”

  1. Avatar Laura disse:

    Boa tarde – obrigada pelo artigo. No inicio adorei o trabalho remoto – agora preciso muito mais para focalizar e atingir todos meus objetivos 🙂 Confesso que gosto de ideia das ferramentas digitais como https://kanbantool.com/pt/ ajudam bastante organizar o meu dia inteiro, especialmente em casa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

O papel do RH na pandemia do coronavírus

Baixe o Ebook Não, obrigado