?>
Benefícios

Vantagens de aderir ao home office e continuar investindo em benefícios.

Tempo de leitura estimado: 5 min.

Muitos são os motivos que tornam o home office uma modalidade de trabalho cada vez mais atrativa aos profissionais e também às empresas.

Afinal, com a praticidade que a tecnologia nos oferece hoje, seria mesmo natural que a dinâmica do nosso dia a dia fosse influenciada.

A seguir, vamos apresentar algumas de suas principais vantagens e entender por que continuar investindo em benefícios. Leia até o final e confira!

 

Mas, o que é home office?

O popularmente conhecido ‘home office’, ou pela tradução literal ‘escritório em casa’, é um tipo de regime de trabalho que permite ao profissional realizar suas atividades remotamente, como se estivesse alocado em sua empresa.

Na prática, é preciso apenas que ele possua um bom notebook ou computador e tenha uma ótima conexão de internet, além de uma estrutura que o deixe confortável e, acima de tudo, que favoreça seu desempenho.

Quais são as vantagens do home office?

A adoção do home office pode promover diferentes vantagens aos profissionais e às empresas. Dentre elas podemos citar:

Aumento da produtividade

Ao contrário do que muitos pensam, trabalhar a distância pode proporcionar às empresas ganhos ainda maiores do que quando em trabalhos presenciais.

Isso porque o profissional, eventualmente, se sente muito mais à vontade ao realizar suas tarefas em casa, seja pela decoração e organização de seus móveis.

E claro, por poder escutar suas músicas preferidas a qualquer momento e ainda escolher um ambiente com pouca ou muita luz, sem a interferência de outras pessoas, por exemplo.

Horários flexíveis

Além disso, os horários flexíveis do trabalho remoto oferecem ao colaborador um tempo maior para sua organização e influenciam sobre o equilíbrio de sua vida profissional e pessoal.

E, com isso, é criada uma sensação de bem-estar capaz de proporcionar a ele o alcance de resultados ainda mais positivos, isto porque preocupações com o transporte ou mesmo se chegará atrasado a compromissos serão quase nulas.

Logo, o trabalho à distância torna-se uma opção ainda mais válida aos profissionais que possuem outras responsabilidades durante o seu dia, como levar os filhos a escola, realizar cursos, cuidar dos afazeres domésticos, entre outros.

Qualidade de vida

A qualidade de vida é para muitos profissionais um fator decisivo quando o assunto é trabalhar em casa, pois sua rotina torna-se muito menos cansativa e estressante.

Mas não apenas isso, por meio do home office ele poderá contar ainda com uma alimentação mais saudável e um sono mais regulado, pois ir até o local de sua empresa ou mesmo lidar com imprevistos em dias chuvosos não serão mais um problema.

E com a economia de seu tempo ele conseguirá investir em outras atividades que beneficiarão a sua saúde, como a prática de exercícios, passear ao ar livre, estar com a família e amigos etc.

Economia às empresas

A economia de custos é, sem dúvida alguma, uma das maiores vantagens oferecidas pelo home office, e não é atoa que cada vez mais empresas têm adotado a sua prática.

No entanto, cabe a nós aqui lembrar de que o trabalho remoto, previsto pela Nova Lei Trabalhista (2017), possui suas próprias diretrizes e, por isso, as empresas não precisam obrigatoriamente oferecer a seus funcionários os mesmos benefícios do trabalho presencial.

Mas, por que continuar investindo em benefícios?

Ao optarem pelo home office, é comum que muitas empresas se perguntem se devem ou não continuar investindo em benefícios ou mesmo qual será o impacto sobre o seu negócio.

Mas, o que elas não sabem é sobre como eles podem se tornar fatores de influência sobre o rendimento de seus funcionários.

Dentre os mais conhecidos temos:

  • Vale-transporte;

  • Vale-alimentação;

  • Vale-refeição;

  • Vale-creche;

  • Cesta básica;

  • Plano de saúde e odontológico;

  • Participação nos lucros etc.

De todo modo, eles são uma maneira positiva de lembrar o colaborador de que seu trabalho é importante para a empresa e, assim, mantê-lo motivado a entregar suas tarefas, sobretudo, com qualidade.

Através do benefício da cesta básica, por exemplo, a empresa pode garantir a seu funcionário uma economia de custos com a alimentação, uma vez que ele não precisará mais se preocupar em fazer suas compras do mês, tornando tudo ainda mais prático.

Com isso, é importante lembrar que ao adotar o home office e manter os benefícios a seus funcionários, as empresas não sairão perdendo. Pelo contrário, elas terão vantagens econômicas que as ajudarão a manter a qualidade de seus serviços e produtos e sair na frente de suas concorrentes.

Compartilhe:
escrito por
Vanessa Faria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

O papel do RH na pandemia do coronavírus

Baixe o Ebook Não, obrigado